18 de mai de 2012

Resenha: O voo de Icarus


O voo de Icarus
Autor: Estevan Lutz
Número de páginas: 239
Editora: Novo século

Num futuro próximo, na cidade marítima de Agartha, a vida do jovem Icarus oscila entre dois vícios: a realidade virtual e uma droga alucinógena denominada nirvana.
Em busca de tratamento médico, ele acaba se tornando voluntário para a experimentação de um avançado medicamento baseado na nanotecnologia, o Sinaptek, o qual, posteriormente, lhe causa uma extraordinária reação adversa: a projeção de sua consciência, o que lhe permite viajar por diversos lugares do planeta e para outros mundos, empreendendo uma jornada do centro do universo ao centro da inconsciência humana.
Estaria tudo, apenas, na mente de Icarus?
 


Icarus é jovem com cerca de 30 que vive e trabalha em Agartha, uma cidade totalmente planejada e repleta de aranhas-céus. Além de ser viciado em tecnologia e jogos virtuais, é também dependente de uma droga alucinadora denominada Nirvana.


A história se passa em 2070 e Icarus trabalha na Holocorp, uma empresa que desenvolve jogos virtuais. Ceres, sua amiga de trabalho recomenda-o a consultar o Doutor Voga devido seu conturbado vício. Lá ele se torna "cobaia" do Sinaptek, um avançado medicamento baseado na nanotecnologia.


Após a implantação do Sinaptek, Icarus já está totalmente curado, os jogos que antes lhe faziam mal agora não surtem nenhuma reação e o vício é deixado de lado. Mas em uma festa, Icarus inala sem querer uma dose de Nirvana. Não se sentindo bem, resolve voltar para casa.

A partir daí que começa O Voo de Icarus, onde ele, em sua cama tem sua mente projetada para fora. Em seu sonho ele presencia um suicídio que realmente aconteceu e onde começa a ter muitas dúvidas em relação ao mundo que o cerca.

"Estamos onde nossa mente está"

O livro é bastante rápido de ler, pena que as folhas são brancas, mas como as letras são grandes não incomoda tanto assim.  


O autor aborda jogos, "drogas" e muita ficção científica, e quem gosta desse gênero é claro que recomento. Seria uma boa que o livro tivesse uma continuação, não porque o livro tenha deixado a desejar, e sim pois gostei bastante da história de Icarus e gostaria de vê-lo passando por mais uma experiência.


Ainda agradeço Estevan Lutz pelo exemplar do livro!


Sua opinião é muito importante para nós! Queremos muito saber o que achou do post, por isso deixe um comentário!



Não esqueça de seguir-nos pelo Google Friend Connect ->

 

blogger templates | Make Money Online